Promoção no Blog Lost in Chick-Lit

O Blog Lost in Chick-Lit está fazendo uma promoção. Leia a baixo e passe por lá:

"Mais uma super promoção hoje, desta vez em parceria com a Editora Autentica.
Uma promoção especial pelas apaixonadas por livros vampirísticos.
O Guia de Vampiros para Mulheres, como o nome já diz, foi feito especialmente paranós meninas, e tá recheado de otimas informações.
Essa semana estarei lançando sua resenha, então fiquem de olho para saber mais detalhes!!"

Sheridan Le Fanu - Carmila


Uma história gótica de horror na qual a antagonista é uma vampira lésbica: poucos livros podem se gabar de ter uma premissa mais interessante e chamativa. Escrito por J. Sheridan Le Fanu e publicado em 1872.

Guillermo Del Toro - Noturno


Noturno narra, de forma realista e aterradora, uma inovação de vampiros em Nova York provocada por um vírus capaz de causar uma pandemia em escala mundial. Fascinado por histórias de vampiros e universos fantásticos, Del Toro atualiza o tema com uma abordagem cientifica semelhante a serie de sucesso como CSI. Uma obra épica sem precedentes, assustadora e vertiginosa.


Procurava um Marido e Encontrei Um Cachorro


Karen Templeton

O mundo de Ginger Petrocelli cai ao ser abandonada no altar pelo noivo, Greg Munson, um novo-rico, filho de família republicana. Agora, ela não só tem de se acostumar a ser solteira novamente, como terá de pagar todas as dívidas que contraiu para financiar o casamento, e também conviver com sua mãe, uma professora universitária hippie, politicamente correta e ativista.
Como se isso não bastasse, Greg é dado como desaparecido. E, para a grande surpresa de Ginger, Nick Wojowodski, charmoso detetive do Departamento de Polícia de Nova York e ex-namorado que não via fazia dez anos, é designado para o caso.
Logo, se descobre que Greg não estava tão desaparecido assim. E quando Ginger imagina que pode retomar a rotina de trabalho, seu chefe aparece morto. Mais uma vez, Nick entra em cena para investigar o crime.
O que ainda falta acontecer para tornar a vida de Ginger mais complicada?
Aparentemente, só lhe faltava, mesmo, encontrar um cachorro.
Tendo como cenário o glamour de Manhattan e seus habitantes, Procurava um marido e encontrei um cachorro é uma história hilariante sobre os encontros e desencontros na vida de uma mulher solteira narrados com muito bom humor e fina ironia.


Anne Brontë - Agnes Grey


Livro da irmã Brontë menos conhecida. Relata a vida de Agnes Grey e sua experiência sendo preceptora de crianças mal agradecidas e com pais maldosos. História intimista e que mostra a realidade de uma jovem solteira da época que precisou se sustentar.


Stephenie Meyer - A Hospedeira


Uma espécie de parasitas altruísta pacificamente assumiu o controle das mentes e dos órgãos da maior parte dos seres humanos, mas a delicada Melanie Stryder não vai entregar sua mente para a alma alienígena chamada Wanderer. Perturbada pelas memórias insistentes de Melanie do namorado Jared, Wanderer desiste do anseio do corpo dela e decide ir ao deserto para encontrá-lo. Provavelmente o primeiro triângulo amoroso envolvendo apenas dois corpos, é obviamente romântico, e os personagens (humanos e alienígenas) genuinamente adoráveis.


Enfeitiçado / Família Donovan


Nora Roberts

Rowan Murray se sentiu atraída pelo soturno Liam Donovan como jamais imaginara possível, mas seu vizinho moreno e enigmático era tão esquivo quanto o misterioso lobo que rondava sua cabana. A indecisão o atormentava. Liam compreendia que não tinha o direito de amá-la sabendo o que os aguardava. Mas o encanto da fascinante inocência de Rowan sobrepujava sua vontade, e ele não podia mais resistir. E Liam sabia que, para torná-la sua, precisaria revelar seu incrível segredo...



Meg Cabot - O Garoto da Casa ao Lado


Melissa Fuller é uma garota do interior que escreve para a coluna de fofocas do New York Journal, uma publicação de segunda categoria. Um dia, ela socorre Helen Friedlander, sua vizinha de oitenta anos que entra em coma após levar um golpe na cabeça. Além de tomar conta dos dois gatos e do cão dinamarquês da Sra. Friedlander, Mel fica de olho no misterioso sobrinho dela, que se mudou para a casa da tia para também cuidar dos bichinhos. Da autora da série Diário da Princesa, um fenômeno mundial da literatura juvenil, O garoto da casa ao lado é um romance que mistura amor, comédia e suspense aliados ao estilo de vida nova-iorquino.



Lady of Storm House



Evelyn Bond. Se não me engano a história se passa na década de sessenta, pelo fim. O livro está escrito em inglês. Infelizmente não foram publicados muitos livros estilo gótico, ou romances+mistério no Brasil. Bem, a história é interessante e me rendeu umas boas horas de entretenimento. Moça dá aula em escola e devido a um desentendimento com outra professora acaba sendo demitida. Sem emprego e não disposta a casar com o pseudo-namorado, ela aceita cuidar de um menino em uma casa de família, no interior. Lá ela descobre que o menino é um prisioneiro no lugar e começa a tentar descobrir o que se passa. Como se não bastasse, o menino já havia sofrido e continua sofrendo várias tentativas de morte. O romance é leve e você acha que nunca vai engrenar, porque o mocinho não é do tipo de homem que uma mocinha escolheria, além disso, ele não presta a mínima atenção nela. Pena que o título é delator e que a sinopse da contra-capa é enganosa. Quanto a capa, ela muito me agradou. A mansão lindíssima e a moça diante dela, com frio e medo, usando um vestido de noite preto e um colar de pérolas. O cabelo dela é da cor que o livro relata, o que fecha direitinho, como eu gosto :-)
Não é o melhor livro que eu já li, mas esta na lista dos que vale a pena ler.

Sarah Mason - Alta Sociedade


A vida de Clemmie Colshannon parece estar se movendo em alta velocidade para lugar nenhum. Após perder o emprego e o namorado no mesmo dia, ela foi procurar refúgio no lar de sua família, na Cornualha, a fim de se recuperar. É o começo de uma engraçadíssima aventura guiada por Sarah Mason, escritora que, seguindo os passos de Marian Keyes, conquistou fãs em todo o mundo com os romances Um Amor de Detetive e A Vida É uma Festa. E este novo Alta Sociedade consegue ser ainda mais divertido! Felizmente, a vida com a família Colshannon está longe de ser um tédio. Barney, o irmão de Clemmie, está apaixonado, mas não conta por quem; sua mãe está no meio de uma produção teatral chamada Jane Calamidade e não consegue se livrar da personagem; e sua irmão Holly, uma jornalista to Bristol Gazette, precisa encontrar uma grande matéria antes que seu editor a demita. Mas, quando uma colega de trabalho de Holly desaparece e Clemmie tropeça numa pista de seu paradeiro, o que parecia um drama vira uma crise, e a família toda é obrigada a fugir para o sul da França com um ex-presidiário atrás deles... Personagens maravilhosos, diálogos brilhantes e uma história incrivelmente engraçada fazem deste Alta Sociedade, o terceiro romance de Sarah Mason, uma comédia imperdível.
Bem melhor que o anterior. O mais divertido é que a protagonista é irmã da jornalista do primeiro livro, sendo assim, ela e o policial durão aparecem e tudo fica mais divertido, hehehehehe. O primeiro livro ainda é meu favorito, mas este superou e muito o segundo, felizmente. Vale a pena ler. Clemmie é doida varrida e provoca boas risadas :-)

Sarah Mason - A Vida é Uma Festa


Para Izzy Serranti, uma inglesa de 26 anos, A Vida É uma Festa - literalmente. Ela trabalha como promoter, dando um duro danado para fazer com que todo mundo se divirta. Porém, enquanto organiza festas e eventos, Izzy tenta a sorte na busca por sua alma gêmea. Mas as coisas não andam nada fáceis... e só vão piorar quando o fantasma de Simon Monkwell - seu pior inimigo de infância, responsável por tornar o seu dia-a-dia insuportável - voltar a lhe assombrar. Quer dizer, Simon ainda está vivo... mas bem que Izzy gostaria de que ele já estivesse morto e enterrado! Então, recapitulando, para Izzy Serranti, A Vida É uma Festa - desde que Simon Monkwell não seja um dos convidados, é claro! Neste novo romance, o bom-humor e a fluência da narrativa confirmam que Sarah Mason - responsável pelo premiado Um Amor de Detetive - veio mesmo para ficar.
Mas o tempo se passou e o brutamontes de 13 anos se transformou num respeitado empresário. Izzy, no entanto, está convencida de que Simon Monkwell ainda é o mesmo grosseirão de 15 anos atrás. É por isso que tem de enfrentar os mais conflitantes sentimentos quando Monty, o pai de Simon, pede que ela o ajude a organizar uma grande festa: um baile de caridade na fazenda Monkwell. Ela acaba aceitando - afinal, é uma causa nobre e o que passou, passou. Melhor ainda: Simon está bem longe, fora do país, numa viagem de negócios aos Estados Unidos. Ou não? Quase sem querer, Izzy volta a ser seduzida por essa excêntrica família e começa a perceber que suas traumáticas lembranças dos tempos de criança podem não estar totalmente de acordo com o que ela imaginava...

Este livro eu achei meio fraquinho. Ainda fica anos Luz a frente da Becky Bloom, mas sai perdendo feio em relação ao primeiro livro da autora. Não é muito animado, a protagonista não tem personalidade e nem o protagonista. Não surpreende, mas serve para passar o tempo.

Sarah Mason - Um Amor de Detetive


Neste divertido romance de estréia de Sarah Mason, Um amor de detetive, os opostos se encontram e - como não poderia deixar de ser -, também se atraem. A bela Holly Colshannon é uma ambiciosa e desastrada jornalista da Bristol Gazette. James Sabine (apenas um pouco mais bonito que ela), é um sargento-detetive durão, grosseiro e ressentido. Levados pelo acaso , eles se encontram diversas vezes por conta de uma série de conicidências bastante oportunas. Rapidamente, a determinada Holly vê em James a grande chance de progredir em sua carreira e decide segui-lo por um período de seis semanas a fim de escrever uma coluna crimina, que poderá vir a ser o seu primeiro sucesso jornalístico. O lado positivo da situação é que ela consegue obter a tão sonhada coluna O lado negativo é que o bonitão não está nem um pouco feliz com a presença constante de Hally em sua vida.

Eu amei este livro, do inicio ao fim. Ele é engraçado, divertido e romântico e eu pretendo reler em breve :-)
Recomendo. Uma leitura excepcional. Nada de protagonistas imbecis e consumistas, que passam fazendo besteira e decidem resolver tudo no ultimo capítulo. Funciona as mil maravilhas.


 
Mistério das Letras Blog Design by Ipietoon