Passado Amargo

Flora Kidd


Depois de três anos, Ellen foi obrigada a viajar até a Escócia e reencontrar seu marido para mais uma desilusão: ele continuava o mesmo homem prepotente, irascível e com o orgulho ferido por ter sido abandonado. Mas, mesmo assim, quando Dermid a tomava em seus braços, Ellen sentia-se arrebatada pelo calor de uma paixão louca, incontrolável, que no fundo sabia ser apenas atração física. Como poderia voltar para um homem que queria , apenas subjugá-la, quando só desejava ser amada... amada com muita ternura?


AQUI

O Cigano que eu Amei...

Flora Kidd

Moreno,forte,ágil como um cigano errante,Janos arrebatou a alma de Sara como num feitiço. Seu corpo,entregue às mãos de artista dele,vibrava com prazeres nunca sonhados e seus ouvidos se abriam para promessas doces:"Eu a amarei sempre,minha Sara.Você será a esposa adorada de um violinista famoso".Quanta ilusão!Janos Vaszary era hoje um concertista,mas Sara estava longe de ser adorada ou feliz.Sabia agora,tarde demais,que as promessas de amor eram uma mentira. Sabia sabia que devia abandoná-lo.Só não sabia mais viver sem o calor daquele homem,que era tudo para ela....


AQUI

Esposa por Um Verão

Flora Kidd


A proposta de Richard não podia ser m louca: pediu uma desconhecida em casamento só para passar o verão com ele, numa ilha Escócia! Richard estava cego e precisava Clara para ajudá-lo a escrever um livro, a resposta de Clara foi mais louca ainda: aceitou. Se Richard voltasse a enxergar, o casamento seria desfeito. Ele voltaria para as su aventuras com as lindas mulheres que o r deavam, ela para a sua vida monótona de professora. Mas, lá na ilha, ao lado daquele homem fascinante, Clara ouviu pela primai vez o chamado ardente do desejo, do amor. Tinha que reprimi-lo, afastar a paixão que com cava a dominá-la... De que jeito?


AQUI

O Morro dos Ventos Uivantes

AQUI

Jane Eyre - Charlotte Brontë

AQUI

Quando o Amor Floresce


Betty Neels

Mesmo olhando para o anel de brilhantes em seu dedo, Isabella custava a acreditar que estivesse casada. O destino fora rápido em transformá-la na respeitável senhora van Vinke, dar-lhe uma casa suntuosa, belas roupas, jóias, dinheiro. No quarto enorme, enquanto se preparava para sua noite de núpcias, Isabella esperava ansiosamente pelo marido, pois amava Benedict desde o primeiro momento em que o vira. Esperou longos minutos, terríveis minutos que viraram horas, até perceber que Benedict não viria tomá-la em seu braços... que eles iriam dormir em quartos separados!

Meus Dois Amores


Betty Neels

Três semanas na Noruega, esquecida dos problemas… Sim, era a oportunidade ideal para Amélia ter uma conversa séria com Tom e marcar de uma vez a data do casamento. Não suportava mais aquele noivado interminável. Mas foi tudo inútil: pescaram, divertiram-se, fizeram novas promessas de amor, mas Tom não se resolvia. Amélia estava chocada. E foi nesse estado de espírito que conheceu Gídeon vanderTolck, um holandês tranquilo e muito atraente, que parecia adivinhar sua frustração. Pior: ele se divertia com isso. Será que Gideon sabia por que Tom se recusava a casar com ela?

Nunca Diga Adeus



Betty Neels

"Nenhum homem tem o direito de ser tão bonito assim", pensou Isabel, quando viu o Dr.Thomas Winter pela primeira vez. Porém, seu entusiasmo logo esfriou.Excessivamente seguro de si, o médico era de uma arrogância irritante.Isabel queria tirá-lo da cabeça e do coração.Mas como, se sua profissão de enfermeira a aproximava cada vez mais de Thomas?Era um tormento estar ao lado dele e não merecer a mínima atenção!Ainda por cima, havia a esfuziante Ella Stokes: linda, sofisticada, insinuante, que não largava Thomas um minuto sequer. Ele precisava dar um jeito de esquecer aquele amor.

Meu Amor Impossível


Betty Neels

Adelaide olhava para Coenraad com adoração. Mas ele a considerava apenas uma enfermeira muito simpática e eficiente. No dia em que conheceu sua noiva. Adelaide teve vontade de morrer: nunca poderia competir com aquela beldade, rica e sofisticada. A outra, sim, tinha tudo para se casar com um homem famoso, bonito e que, ainda por cima, era um barão. Ela não passava de uma garota pobre que usava vestido fora de moda e não sabia se comportar num restaurante elegante. Por isso, decidiu fugir… Romances assim só davam certo em filmes e nos contos de fada! Mas, conseguiria arrancar aquele amor do coração?

Um Bestseller Para Chamar de Meu


Marian Keyes

Marian Keyes explora com dinamismo a personalidade de suas protagonistas. São tão verossímeis que a autora faz questão de esclarecer em seu site que não a confundam, por exemplo, com Jojo Harvey, a batalhadora agente literária de Um bestseller.

Los Angeles


Marian Keyes

Terceiro Livro das Irmãs Walsh


Maggie sempre foi uma anjinha, a cria mais certinha da complicada (e engraçadíssima) família Walsh... até se cansar de andar na linha e mandar todas as regras que a prendiam a um dia-a-dia em sal (e muito menos açúcar) às favas - a começar pelo casamento (que, para o bem da verdade, nunca havia realmente engrenado) e o trabalho bitolante numa firma de advocacia. Ao largar essa vida em preto e branco no passado, Maggie decide se mandar para o lugar onde a realidade promete ser em Technicolor: Hollywood, claro! Terra do glamour, da liberdade, da beleza (até as palmeiras das calçadas são magras), da luxúria e, obviamente, da diversão!

Sushi


Marian Keyes


A vida da editora de revistas, Lisa Edwards mudou quando ela descobriu que seu novo emprego não passa de uma ordem de deportação para a Irlanda para o lançamento da revista Garota. Ela queria recusar esta tarefa, só não desistiu devido a presença de seu novo colírio, isto é, chefe, Jack Devine, um sujeito desgrenhado e fechadão. Para ela, isto é motivo suficiente para aceitar o desafio, (embora não estivesse com muita vontade de enfrenta-lo) Ashling Kennedy, a editora assistente da revista Garota, também não esta com a vida indo bem. É a Rainha da Ansiedade, e não é de hoje que sente que algo não está cem por cento na sua vida. A pessoa que ela mais inveja no mundo é sua amiga de longa data, Clodagh - e tem bons motivos para isso.
Conhecida como "Princesa", a vida dela sempre foi um mar de rosas de tão boa. Ao lado de seu belo marido e dois filhinhos encantadores, ela vive um conto de fadas doméstico em seu castelo. Mas então, por que será que nos últimos tempos anda sentindo vontade - e não pela primeira vez - de beijar um sapo?

É Agora Ou Nunca


Marian Keys

Tara, Katherine e Fintan são amigos inseparáveis. Nascidos no interior da Irlanda, partiram juntos para Londres e se deram muito bem profissionalmente, pelo menos. Pois, nas grandes cidades, o mercado amoroso está saturadíssimo! E os corações dos três, todos na faixa dos trinta e poucos anos, podem não agüentar: o de Tara já se partiu, o de Katherine está prestes congelar e o de Fintan pode até parar de bater. É chegada então a hora de gritar por mudanças... ou calar-se para sempre!

Férias


Marian Keyes


Segundo Livro das Irmãs walsh.

Férias trata-se de uma autobiografia da famosa autora irlandesa Marian Keyes. A história é narrada por Rachel, uma mulher viciada em cocaína e álcool que acaba de perder o namorado e infelizmente quase perde a vida por causa do consumo de drogas. Conseqüentemente, ela começa a se destruir aos poucos. Em seguida, depois de quase morrer de uma overdose de antidepressivos, toma uma decisão séria e resolve abandonar a glamourosa cidade de Nova Iorque e volta para a casa de sua família na Irlanda do Sul. Chegando lá, interna-se numa clínica a fim de se livrar de uma vez por todas de seu vício e, aos poucos, tenta reconquistar o namorado e reconstruir a vida.


Casório


Marian Keyes

Lucy Sullivan vai se casar. Essa moça de 26 anos, que divide o apartamento com as amigas, não tem dúvidas de que, dentro de poucos meses, estará entrando na igreja durante uma linda cerimônia. Só falta um pequeno detalhe: o noivo! Mas Lucy, que nem ao menos tem um namorado e nunca foi muito bem-sucedida no amor, confia piamente nas previsões de sua cartomante e iniciará uma busca incessante (e hilariante) por um bom partido: ele só precisa ser bonito, inteligente e não lembrar em nada o seu pai.

Melancia


Marian Keyes

Primeiro livro das irmãs Walsh.

Claire acaba de dar a luz ao seu primeiro filho quando seu marido, ainda na maternidade, anuncia que irá separar-se, pois mantém um caso com a vizinha há mais de seis meses. Ela volta a morar com a excêntrica família: duas irmãs, uma delas obcecada pelo oculto, a outra demolidora de corações, uma mãe viciada em telenovelas e com fobia de cozinha, e um pai à beira de um ataque de nervos.

Joanna



Escrito por Jane Blackmore.
Eu gosto da capa. Não de forma especial, porque não a considerei marcante, mas ela me chamou a atenção. Tem um visual anos 60/70 e a mocinha é ruiva :-)
Detestei o vestido dela, mas amei o lenço no pescoço; ficou muito chique, hehehehe. A expressão dela é de medo, bem ao estilo mocinha dos anos 60/70, com a mão na boca.
O cenário me fez pensar no quão seria divertido quando eu finalmente chegasse a cena do sótão. Infelizmente, foi decepcionante. Nada de segredos fantásticos revelados no sótão.
De principio já se mostrou difícil para mim simpatizar com uma protagonista que cai nos braços de outro homem mal o conhece, sendo ela casada e com um filho de poucos meses. A história é fraca, apesar da premissa interessante e fora do lugar comum:
Velha senhora morre e lega tudo o que tem (muita coisa, por sinal) a apenas aquele que ficar por uma semana, confinado em sua antiga casa. Para isso um grupo de pessoas (quase todos parentes dela) são chamadas ao lugar. Me lembra Scooby-Doo (eu amo os desenhos dele).
Li mais por obrigação, já que eu comprei o livro, mas não gostei. Careceu de charme. Não recomendo.

Viver Por Teu Amor


Carole Mortimer

De repente, não havia escolha para Mildred. Ela teve que jogar para o ar uma pro missora carreira de atriz de novelas em Los Angeles, um namorado fiel, sua casa, os amigos, seu país... Tinha que abandonar tu­do para cumprir o último desejo de sua irmã Glenna e por isso estava até disposta a fazer a maior loucura: casar-se com um homem que ela não amava! Arrogante, frio, impassível, o belo Alex Hammond viera de Londres para tentar tirar-lhe a guarda de seu sobrinho Courtney, a razão de viver que Glenna lhe deixara. Mas isso Mildred não permitiria, nem que tivesse que largar tudo para tornar-se mulher de Alex!

Tentada Pelo Desejo


Carole Mortimer

Quando Suzanne conheceu o conde Cesare Martino, descobriu o que era o amor Mas a sua madrasta tinha planejado tudo. Cesare era um marido rico que ela queria fisgar. E estava disposta a fazer qualquer jogo sujo para ficar com o dinheiro e com o título dele. Até amar a própria enteada. Convencido pelas mentiras dela, o conde passou a olhá-la com olhos apenas de desejo e em vez de casamento, pediu que se tornasse sua amante... Ofereceu-lhe jóias, viagens, uma casa em Veneza. A degradação era o único meio de ter o homem que amava? Podia aceitar? Conseguiria resistir?

Paixões Desenfreadas


Carole Mortimer



Ninguém, a nãe ser ela mesma, tinha o direito de escolher seu marido, pensou Caroline, furiosa, quando seu pai sugeriu o nome de Greg Fortnum, um homem que ela nem conhecia. Como resposta, ela se mudou às escondidas para um chalé que eles tinham nas montanhas. Só que não imaginava encontrar-se com Adré que, a convite de seu pai, também estava hospedado no chalé. Nesse momento começou sua verdadeira aventura: eles passaram uma semana juntos, um escondendo do outro sua verdadeira identidade e ardendo pelo desejo de se possuírem. Quem seria André, aquele homem misterioso, de quem ela nunca ouvira falar?

Marcas do Passado


Carole Mortimer

Sozinha em sua cabana à beira-mar, Emily percebia agora que seu amor por Rafe não tinha sido apenas uma fantasia de adolescente.
Mas, aqueles anos que ela passou longe dele, tinham deixado marcas profundas na alma e no rosto de Rafe, hoje coberto de cicatrizes. E, por mais que Emily tentasse convencê-lo de que o amava loucamente, Rafe não acreditava. Para ele, o interesse de Emily não passava de piedade, misturada a uma intensa atração sexual. Como quebrar as barreiras que Rafe tinha construído em volta de si mesmo? Como apagar de sua alma e de seu olhar tristonho aquelas malditas marcas do passado?

Anne Rice - Crônicas Vampirescas 12


Cântico de Sangue

Uma história de amor e lealdade promete levar os leitores de Anne Rice de volta à Fazenda Blackwood. Em Cântico de sangue, o vampiro Lestat, seu personagem mais famoso, volta à cena atormentado pela idéia de redenção e tomado por uma paixão inesperada pela bruxa Rowan Mayfair, outra célebre personagem da escritora. Mas para levar o romance adiante, há várias barreiras a serem superadas. A vontade de viver entre os humanos é forte, mas também são muitos os prazeres da imortalidade. Amadurecido o suficiente para tomar a decisão correta, o famoso vampiro insiste em percorrer o longo e tortuoso caminho do conhecimento nesta história repleta de suspense e erotismo.

Anne Rice - Crônicas Vampirescas 11


A Fazenda Blackwood

Tarquinn Blackwood, um jovem sedutor e excêntrico, é o único herdeiro da imensa propriedade às margens do Pântano de Sugar Devil que leva o nome de sua família. Com suas imensas colunas de mármore, salas de estar ricamente mobiliadas e recantos sombrios, a Fazenda Blackwood esconde muito mais do que velhos segredos de uma dinastia agora decadente. Fantasmas e outras criaturas tão poderosas quanto antigas vagam pelas aléias semi-abandonadas e corredores sombrios da propriedade, interferindo nas vidas dos moradores e visitantes.

Anne Rice - Crônicas Vampirescas 10


Sangue e Ouro

A mestra do terror gótico moderno, Anne Rice, ao dar seqüência às célebres crônicas vampirescas, conta a história de dois de seus fascinantes e enigmáticos personagens, Marius e Thorne, poderosos Filhos das Trevas. O primeiro deseja vingança contra um antigo inimigo, enquanto o segundo anseia pelo reencontro com sua criadora. Revelando o sombrio mundo dos seres imortais, Sangue e ouro aborda os sofrimentos inerentes à vida eterna.

Anne Rice - Crônicas Vampirescas 9


Merrick

convivência com Merrick fez surgir em David uma paixão avassaladora, porém impossível. Primeiro pela considerável diferença de idade ? ele tinha setenta anos, ela, 24 ? e, segundo, pela sua condição de vampiro. Logo após ter sua alma transferida para o corpo de um rapaz, por obra do Ladrão de Corpos, recebeu contra a sua vontade o Sangue Negro e passou a ser autor das histórias que envolvem seres como ele. Seu Mestre e Criador, o sedutor Lestat, vive agora relegado a uma espécie de coma, após o encontro com o demônio Memnoch. David, portanto, não pode contar com sua ajuda na luta contra o desejo de imputar à Merrick o fardo da imortalidade. Por ter vivido como humano até a velhice, a sexualidade tem em David-vampiro uma outra significação.

Anne Rice - Crônicas Vampirescas 8


Vittório

O livro traz a autobiografia de um ser das trevas que encontrou a morte em 1450 em Florença, quando era um garoto de dezesseis anos muito bonito. Vittorio viveu sua infância na casa de Cosimo, “o velho”, que dirigia o banco dos Medici e era mecenas de artistas como Donatello, Brunnelleschi e Michelozzo. Ali viu com seus olhos de criança o encontro entre o Papa Eugenio IV e João VIII, o Patriarca de Constantinopla, que havia vindo de Bizâncio para o Concílio de Trento.

Anne Rice - Crônicas Vampirescas 7


Pandora

O narrador deste romance é o vampiro David Talbot. A história começa no século XXI, tendo como cenário um lotado café parisiense. Lá a belíssima jovem Pandora - de pele de porcelana, olhos topázio e de inteligência incomum - é convidada por David e escrever sua história. Ela nos leva a viajar no tempo e relata, relutante a princípio e depois com incrível paixão, uma vida de mais de 2.000 anos.

Anne Rice - Crônicas Vampirescas 6


O Vampiro Armand

A autora descreve em detalhes o sensual relacionamento do ainda mortal Armand com o seu mentor e a conseqüente transformação do pupilo em vampiro. Quando esta finalmente ocorre, as cenas fortes de sexo são substituídas pelo questionamento de Armand, forçado a escolher entre a imortalidade adquirida e a salvação de sua alma. O romance descreve cenas de luxo e elegância no suntuoso palácio renascentista de Marius, em Veneza, passa para mirabolantes aventuras e cultos diabólicos na Paris do século XIX, até chegar à Nova Orleans de hoje. Os capítulos finais relembram o significado profundo dos vampiros de Anne Rice: uma metáfora para os mais intensos e ocultos desejos do ser humano.

Anne Rice - Crônicas Vampirescas 5


Memnoch

O vampiro Lestat está de volta. Desta vez, num romance fantástico, ele enfrenta a maior das tentações: Memnoch, que afirma ser o diabo em pessoa. Memnoch coloca o imortal diante da oportunidade de voltar no tempo, conhecer a criação, visitar o purgatório e escolher entre o céu ou se tornar um príncipe no inferno.

Anne Rice - Crônicas Vampirescas 4


A História do Ladrão de Corpos

Um desconhecido que persegue Lestat em vários lugares do mundo – Veneza, Hong Kong, Miami, Londres e Paris – propõe a troca de seu corpo com o do vampiro. É a oportunidade de Lestat sentir as sensações de um mortal. É a chance de Raglan James experimentar os poderes de um imortal.

Esta é uma história contemporânea, passada no final dos anos 80, inclusive no Rio de Janeiro. Depois de alcançar o sucesso durante sua curta carreira de cantor de rock, Lestat se enfronha no candomblé e espiritismo, pelas mãos de David Talbot, um amigo mortal que recusa sua oferta de sangue negro. Torturado por seu amor, suas dúvidas e sua solidão secular, Lestat sonha ser humano outra vez. Ver o sol, beber e comer como qualquer outra pessoa.

Anne Rice - Crônicas Vampirescas 3


A Rainha dos Condenados

A Rainha dos Condenados (The Queen of the Damned - 1988), é o terceiro livro da série Crônicas Vampirescas de Anne Rice. Continuando diretamente do final de O vampiro Lestat, narra a origem dos vampiros, a transformação de Akasha e a Lenda das Gêmeas Maharet e Mekare.

BAIXAR PARTE UM

BAIXAR PARTE DOIS

Anne Rice - Crônicas Vampirescas 2


O Vampiro Lestat

Segundo volume das Crônicas Vampirescas, um dos grandes clássicos de Anne Rice, este livro narra a história do vampiro Lestat de Lioncourt, um dos personagens mais carismáticos da autora, desde seus dias como humano morando no castelo de seu pai, passando por seu encontro com o vampiro que o transformou, até o encontro com Akasha.

Anne Rice - Crônicas Vampirescas 1


Entrevista com o Vampiro

Escrito por Anne Rice em 1976, trata da história de vida do vampiro Louis.
O livro inicia-se com um jovem repórter entrevistando Louis, e este conta sobre sua vida antes de se tornar vampiro, como se transformou, como conheceu Lestat, a vampira Cláudia e Armand. Fala também de suas viagens e reflete sobre vários assuntos como a imortalidade.

OBS: Na minha opinião é o melhor livro já escrito pela Anne Rice. Eu li aos treze anos e me apaixonei por ele. Quando fizeram o filme, mais de uma década depois, eu fiquei eufórica e realizada.


Verão em Istambul


Depois da morte do noivo, Jeanette fez uma promessa: nunca mais voltaria a amar. Não queria passar outra vez por todo aquele sofrimento, que transformou seu coração em pedra e sia vida num vazio sem fim. A convite do irmão, que trabalhava no consulado da Turquia, refugiou-se com sua dor na paisagem milenar de Istambul, esperando que isso lhe trouxesse paz. Mais uma vez, porém, foi derrotada pela força do amor. Sem saber como, apaixonou-se por Craig Fleming, um homem que só tinha olhos para Diane, a bela e sofrida mulher por quem esperava há tantos anos. E Jeanette era novamente forçada a fugir, dessa vez de si mesma, do amor que sentia por Craig, da impossibilidade de ser feliz ...


Segredo que Atormenta



Jane caminhava pelas ruas de Atenas, contemplando as luzes que iluminavam a Acrópole, em meio às ruínas da Grécia antiga. Foi quando se viu arrebatada pelos braços daquele homem viril, que colou seus lábios aos dela, que Jane sentiu uma onda de sensualidade vibrar por todo seu corpo.
Mas logo depois daquele beijo delirante, ele se afastou deixando bem claro que a considerava uma mulher "fácil". Perplexa, Jane percebeu que suas esperanças amorosas estavam destruídas. Aquele homem cínico só queria usá-la para ter alguns momentos de prazer. E, pior do que isso, ele estava agora interessado em sua melhor amiga...

Mentir não é Pecado


E foi então que aquele homem forte, alto, bonito, a quem Judi nunca tinha visto, entrou em sua casa e disse: — Querida, case-se comigo! Agora, imediatamente! — A situação era tão irreal, tão absurda, que Judi não conseguia pensar com clareza. Seu cérebro parecia entorpecido, a voz morta na garganta. — Querida — ele repetiu —, não faça perguntas, diga somente que vai se casar comigo! — Judi sabia que não podia se casar, mas quando ele a tomou em seus braços, ela não conseguiu explicar nada e só teve forças para responder: — Sim, eu me casarei. Quando você quiser!

Herança de Ódio


Abandonada pelo noivo, Lorna empregou-se como dama de companhia de lady Lamond, num castelo da Escócia. Desde os primeiros momentos, coisas estranhas começaram a acontecer... A riquíssima senhora instalou Lorna numa estupenda suíte, obrigou-a a receber caríssimas jóias de presente e nunca a chamava para trabalhar! Depois, apresentou-a a Craig, seu jovem e orgulhoso neto. Então, um dia, o rapaz acusou-a de ser uma caçadora de fortuna, uma ladra de heranças! Inocente, Lorna decidiu deixar o emprego. Mas isso era impossível: Craig havia preparado uma armadilha doce e perigosa... Ia conquistar Lorna, casar-se com ela e depois abandoná-la, deixando-a sem amor e na miséria!

Beijo nas Trevas


"Coloque sua mão sobre o coração de uma mulher e ela será sua para sempre! -dizia o arrogante Julius. Afinal, nenhuma mulher jamais ousara repelir os seus desejos. Mas Cale na o tinha a menor intenção de fazer parte daquele exército de admiradoras de Julius. Seu coração já fora ferido por um outro homem sem compaixão. Julius acostumara-se a ter todas as mulheres a seus pés e conquistar Cale não era, para ele, apenas uma questão de amor. Era uma questão de honra!

A Noiva do Desejo


Mulheres casadas, pensava Kate eram maltratadas, exploradas e viviam à mercê dos maridos. Ela não queria saber de casamento. Por isso, atendeu prontamente ao pedido de ajuda de sua amiga Vicky, que queria terminar o noivado com o prepotente Julian Parnell. Kate planejou um jeito de comprometê-lo. Mas as coisas não saíram exatamente como imaginou, e se viu raptada e levada para Gales. Julian queria vingança e escolheu a pior de todas: obrigou-a a casar com ele. Agora, estava presa na própria armadilha, escrava de cama e mesa de um homem que desprezava e que podia se tornar terrivelmente violento!

 
Mistério das Letras Blog Design by Ipietoon