Sylvester, or the Wicked Uncle


































Escrito por Georgette Heyer.

A história tem lugar em 1817-1818 (Regência) e nos apresenta personagens cativantes, costumes da época e diálogos vivos, geralmente carregados de ironia divertida. Abertamente inspirado em Jane Austen e no seu famoso Sr. Darcy, O Tio Sylvester foi desenvolvido com mais detalhes do cotidiano de seu protagonista e dos seus pensamentos, tornando-nos participantes mais ativas da obra.
Nosso herói tem 28 anos e é rico, dono de vastas propriedades e lider da família, tendo assumido esse posto ainda muito jovem. Foi educado para ter bons princípios, mas deixou de segui-los, entregando-se ao orgulho e a vaidade. Isso não o torna um vilão, no entanto, apenas um jovem de grande fortuna que crê ser superior aos demais devido a sua posição social. O romance explora a forma como um jovem em tais circunstâncias poderia ser qualquer coisa que não arrogante.
O romance começa mostrando Sylvester em sua casa, livre da mascara que ostenta em sociedade. É fácil imaginar o Sr. Darcy na mesma situação, vendo primeiro, não o egoísmo dele, mas sua bondade para com seus servos, sua preocupação em manter o dever acima do prazer, suas memórias de infância, seu amor pela mãe inválida, com quem tem uma relação baseada no afeto mútuo e genuíno. Descobrimos que Sylvester nunca se apaixonou, mas que decidiu tomar uma esposa pelo bem do nome da família. Ele tem uma pequena lista de candidatas (que apresenta para a chocada Duquesa) e não tem dúvidas de que qualquer uma das integrantes desta lista ficaria mais do que grata por ser a escolhida.
Enquanto Sylvester é o herói deste livro, Phoebe é tudo menos uma heroína padrão. Ela não é nem bonita nem feia: é pequena, magra, intrépida e quase destemida. É a filha única do primeiro casamento de seu pai, colocada de lado, sem receber simpatia ou compreensão tanto do pai quanto da madrasta e das irmãs. Seu consolo é escrever; Phoebe é uma escritora, autora de um romance Gótico salpicado com caricaturas de pessoas que ela encontrou na sociedade durante a sua temporada em Londres.
A destemida moça, ao ser informada pela madrasta e pelo pai que o Duque (que ela secretamente despreza) vai visitá-los para pedir-lhe a mão em casamento, foge com a ajuda do melhor amigo, pretendendo ir a Londres e se abrigar com sua avó materna. Esta reação deixa o Duque indignado e surpreso (afinal, como alguém poderia se recusar a casar com ele?).
Por força do destino Phoebe e o Duque acabam por ficarem "presos" na mesma estalagem, enquanto o Sr. Orde se recupera de um acidente e eles aguardam por transporte. Assim temos a primeira integração entre os protagonistas (é interessante que Phoebe tenha usado o Duque para descrever o vilão de seu romance gótico e, aos poucos, sua opinião sobre ele vai mudando).
Grande parte do romance é um "road book", com encontros enquanto os personagens viajam, oferecendo oportunidades para os personagens ficarem conhecendo uns aos outros dentro de um período relativamente curto de tempo. Há também cenas de conjunto durante a temporada social, incluindo umacena em um salão de baile de Londres.
Mas é o elenco de personagens secundárias que fazem deste livro uma leitura verdadeiramente deliciosa. Temos o amigo de infância de Phoebe, Tom Orde; a madrasta, LadyMarlow; Alice, filha da proprietária de uma pousada; a linda e estúpida cunhada de Sylvester, Ianthe (Lady Henry Raine), com seu filho de seis anos de idade, Mestre Edmund Raine e seu pretendente dândi, Sir Nugent Fotherby. Cada personagem é memorável e muitas vezes muito engraçado. Com habilidade Heyer nos leva do romance a comédia altamente desenvolvida, com elementos de melodrama escondidos para zombar das convenções de gênero. Eu recomendo este livro. É divertido, inteligente e delicioso :-)

A Feiticeira de Funen - Leonor


Romance Rebeca.
Capa estranha. Geralmente gosto das capas dos Romances Rebeca, mas esta ficou devendo. Um homem e uma mulher com expressões de poucos amigos, mantendo as mãos meio que ocultando os rostos. Fiquei com a impressão de que eles estavam a espera do cardápio em algum restaurante e que estavam tomados de alguma espécie de mal-humor ou necessidade de ir ao banheiro. Se quer as cores ajudam. Resumindo, capa muito feia e, eu não compraria este livro pela capa...mesmo!!!!
Bem, a sinopse é a seguinte:

Em Salvador, na Bahia, Norma rece­bera a carta que transformaria toda sua vida: seu avô, dinamarquês, ao morrer, lhe deixara a maior parte de seus bens. E, ao partir para a Ilha de Funen, Norma jamais poderia adi­vinhar que, na mansão Ugly Ducking, a esperavam dias de extremo sofrimento e terror.

Bom, vamos começar com a parte referente a DIAS DE EXTREMO SOFRIMENTO E TERROR... isso não existe no livro. Desconfio que colocaram na contracapa para seduzir os incautos, na vã expectativa de ter em mãos um romance gótico.
Norma parte da Bahia para a Europa a fim de conhecer uma família da qual não sabe nada. Seu avô a tornara herdeira da maioria de seus bens, apesar de ter duas filhas, um filho e uma nora. A mãe de Norma já havia morrido e, se não me engano, tinha sido a penúltima filha a nascer. O pai de Norma também morrera e ela fora criada pela irmã de seu pai no Brasil.
Sobre todo o drama que a moça "vive"...bom... ela escuta alguém tocando piano, os criados são fechados, a família parece esconder algo, ela vê um vulto no jardim...nada demais, realmente, embora ela faça parecer que é o fim do mundo. Norma é uma moça com tempo demais e coisas de menos a fazer. O romance é frio, o mistério quase inexistente e a conclusão péssima. Espero que o próximo livro que eu for ler desta autora seja melhor :-)

Encantado - Nora Roberts







SINOPSE:

O terceiro livro dessa série conta a história do caso de amor entre a curandeira Anastasia Donovan e seu vizinho, o escritor viúvo Boone Sawyer: ela ainda imaginava como lhe revelaria a verdade sobre seus dons de magia quando a filhinha dele sofre um terrível acidente. Para salvar a garota, Anastasia se expõe, sem saber como lidaria depois com o ceticismo e a incredulidade de seu amado.

COMENTÁRIO:

Bom, aqui temos Anastasia e toda a sua doçura. Vou confessar que personagens doces demais não são do meu gosto, porque elas são capazes de ficar penando sem reagir. Para completar a reação química temos um viúvo e uma filhinha bonitinha louca por uma mamãe. As reações de Boone em relação aos poderes de Anastasia são divertidos. Imagino que ele iria desmaiar se ela fosse como Morgana e fizesse a ele o que Morgana fez a Nash. Bom, história meiguinha com sofrimento autoimposto pelos próprios protagonistas porque gostam de complicar :-)
É uma boa leitura. Alias, recomendo ler todos os livros da família Donovan, pois cada um deles apresenta mais detalhes sobre os divertidos pais dos personagens. Eles realmente são um atrativo a parte e eu gostaria de ler algo sobre o passado dos três casais, hehehehehe.

Fascinado - Nora Roberts




SINOPSE:

O segundo livro da série Donovan conta a história do vidente Sebastian Donovan, que usa seus dons para ajudar a encontrar uma criança raptada. Mary Ellen, a detetive que investigava o caso, sente-se ultrajada pela intromissão de um "charlatão", mas acaba tendo de dar o braço a torcer quando ele lhe oferece pistas preciosas do bebê... e o mais intenso amor que ela poderia conceber.

COMENTÁRIO:

Como eu disse na minha avaliação sobre o livro anterior, eu gostei bastante do personagem Sebastian que, em Fascinado, é o protagonista. Em Cativado eu o considerei charmoso e divertido e ele mostrou ser exatamente isso quando a história girou a sua volta. Pena que seus momentos precisavam ser divididos com a mocinha ChataEuNãoAcreditoEmNadaQueNãoPossaVer ;-p
Não gosto de protagonistas que se acham os donos da verdade. Pelo menos Mary Ellen acaba por acreditar e se desculpar por ter sido tão grosseira. Se fosse por mim Sebastian teria muito mais espaço nesta história, coisa que acabou por não acontecer. Meio que ficou na promessa. Fiquei com a sensação de que, por ser homem, ele não recebeu o mesmo destaque que Morgana.

Cativado - Nora Roberts























SINOPSE:

Cativado conta a história de Morgana Donovan, que, graças a uma aguçada intuição, reconhece em Nash Kirkland o homem que complementaria sua vida. O problema é que ao deparar-se com os imensos poderes da mulher por quem está apaixonado, ele se sente frágil e inseguro: como saber se o que sente é amor ou apenas resultado de um truque de mágica?

COMENTÁRIO:

Bom, este é, sem dúvida, o meu favorito de todos os livros dos Donovan. Morgana é uma mulher interessante e divertida, com um gênio fortíssimo e, além disso tudo, é uma bruxa. Ela tem poderes e, dos demais protagonistas da família Donovan, é a mais poderosa, a ponto de conseguir fazer as coisas levitarem.
Já Nash é um escritor de terror e sobrenatural que não acredita em nada que não seja palpável. O encontro entre os dois é pra lá de divertido e, a medida que Nash é exposto aos poderes de Morgana, muitas risadas podem vir a tona. Claro que em alguns momentos eu me senti como Morgana: com vontade de dar uns tapas em Nash por não acreditar naquilo que estava diante dos olhos dele.
Como este é tecnicamente o primeiro livro da família Donovan, vemos de relance os outros dois futuros protagonistas: Sebastian e Anastasia, primos de Morgana e também dotados de poderes. Eu amei Sebastian e seu cinismo e fiquei ansiova para ler sua história ;-)
Bom, em suma, este livro é muito bom, com momentos de romance, momentos cômicos e um pouco de drama (devido as cabeças duras de seus protagonistas, claro). Altamente recomendável.

Enfeitiçado - Nora Roberts



SINOPSE:

O amor se aproximava. Liam sabia disso e estava assustado, porque precisava tomar decisões importantes e não queria ser influenciado.
Encontrar a si mesma é a meta de Rowan Murray, que resolveu se isolar numa cabana no Oregon.
A princípio, um não estava nos planos do outro, mas os planos foram mudados. Rowan seria capaz de compreender Liam e sobreviver à fera que ele não escondia ser...? E Liam, estaria preparado para a verdadeira Rowan?

COMENTÁRIO:

Na minha opinião é o mais fraquinho dos livros da série da família Donovan. Não sei dizer se foi escrito antes ou depois dos outros três...provavelmente foi escrito depois, uma vez que não fez parte do volume sobre a família Donovan, lançado alguns anos atrás.
Este livro conta a história de Liam e Rowan. Ela é uma humana normal (cheia de traumas) e ele é filho de espíritos da natureza, no estilo fadas, de Contos de uma noite de verão (também cheio de traumas). A história é rápida, sem se aprofundar muito. Liam se mantem afastado de todos, mas não consegue afastar Rowan e muito menos se manter distante dela. A moça vai morar perto de onde ele vive e, os pais dele, criaturas da natureza e cheias de poder, dão uma forcinha para resolver a vida amorosa do filho. Não lembro de nenhuma referência aos personagens dos outros três livros sobre os Donovan e, se Liam não fosse um Donovan, não ia descobrir nunca nenhuma espécie de ligação. Bom, resumindo, não gostei muito, apesar de toda a fantasia que envolve a narração. Quando não consigo me identificar ou simpatizar com os personagens de um livro, dificilmente sinto algo por ele além de irritação ou indiferença. Este livro é um bom exemplo. Fiquei bem indiferente a história.

Sorteio-Romances in Pink























Sorteio para os leitores do blog no Facebook.
São os três primeiros volumes da série Diários do Vampiro e marcadores.
Sorteio até o dia 29 de julho, às 19 h
Participem :-)

Resultado do primeiro sorteio do Blog







Olá, meninas!
Vim comunicar o nome da vencedora do primeiro sorteio do Mistério das letras.
Foi muito legal esta experiência e, eu gostei tanto, que vou fazer um novo sorteio em breve :-)
Bem, infelizmente apenas uma poderia ganhar; se dependesse de mim todas ganhariam, hehehe. Desta vez, a sortuda foi a Soniajam. Espero um e-mail resposta com os dados para poder enviar o livro.
Beijos a todas e até a próxima.

Primeiro Sorteio do Blog




Olá, pessoal!
Depois de muito tempo decidi fazer meu primeiro sorteio:-)
O livro em questão é Jane Austen, a Vampira, de Michael Thomas Ford.
Espero que vocês gostem da escolha e que participem.

Inscrições até 09/Julho. Sorteio dia 10/Julho. Isso dá um mês para fazerem as inscrições.

Regras para participar do sorteio:
* Ser seguidor;
* Divulgar no seu blog, twitter.... cada lugar divulgado dá direito a se inscrever mais uma vez e assim aumentar suas chances de ganhar;
* Deixar uma mensagem, somente neste post, com seu email e o endereço de onde você divulgou.
BOA SORTE!!!!!!!!!!!!!!!!!
 
Mistério das Letras Blog Design by Ipietoon